6 passos para a gestão da Saúde prevenir úlceras por pressão - GesSaúde
Voltar

6 passos para a gestão da Saúde prevenir úlceras por pressão

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Monitoramento dos riscos e envolvimento do paciente é fundamental no processo de prevenção de úlceras por pressão

Por Priscilla Martins

Garantir a segurança do paciente é um dos compromissos fundamentais da gestão de Saúde. Nesse sentido, a ocorrência de úlceras por pressão é considerada um indicador importante em relação à qualidade da assistência multiprofissional ofertada por uma instituição, já que o problema pode ser prevenido se realizada a correta avaliação em relação aos fatores intrínsecos e extrínsecos relacionados ao paciente. 

Em geral, a ocorrência de úlceras por pressão em ambiente hospitalar influência diretamente no tempo de internação, podendo aumentá-lo. O paciente afetado por ela torna-se mais suscetível à ocorrência de sepse e, inclusive, risco de morte.

Listo aqui seis passos cruciais para a gestão de Saúde promover a correta prevenção desse tipo de intercorrência no hospital:

1- Mapeie os fatores de risco:

Esse ponto é fundamental para realizar a correta avaliação dos pacientes. Há dois tipos de fatores de risco que devem ser levados em consideração:

  • Intrínsecos: idade, mobilidade reduzida, desnutrição, presença de vasoconstrição periférica, peso corporal, incontinência urinária ou fecal.
  • Extrínsecos: forças externas de pressão, fricção e/ou cisalhamento, umidade excessiva, uso de produtos que causam irritação na pele, uso de medicações.

2- Realize a avaliação de risco individualmente:

Cada paciente tem suas particularidades e, para traçar o melhor plano de cuidados e consequentemente prevenir o  aparecimento das lesões, é fundamental analisar os riscos de cada caso de forma particular. Essa avaliação inclui:

  • Inspeção completa da pele, com técnicas de identificação e resposta ao branqueamento.
  • Avaliação da cor da pele.
  • Verificação da presença de umidade ou fator de risco.
  • Avaliação da temperatura, textura, mobilidade e turgor em todas as áreas do corpo.
  • Verificação dos fatores de risco (intrínsecos e extrínsecos) de cada paciente.

3- Utilize escalas de avaliação de risco

Escalas internacionalmente validadas, tais como Braden e Braden Q, auxiliam a gestão de Saúde a mapear o risco de cada paciente em particular desenvolver úlceras por pressão.

4- Estabeleça as metas e faça o plano de cuidados do período de internação, baseado na previsão da alta. 

Identificados os riscos do paciente, é hora de planejar as medidas mais assertivas para prevenção do problema. Isso inclui o posicionamento adequado do paciente no leito e a programação de mudanças de decúbito adequadas, assim como o aporte necessário de nutrientes, conforme cada caso clínico.

5- Utilize os equipamentos e materiais certos

Até mesmo os equipamentos e materiais utilizados durante o período de internação fazem a diferença na prevenção das úlceras por pressão em ambiente hospitalar. Um exemplo é o uso de espumas para colchão de alta especificidade.

6- Envolva a todos na prevenção

Se prevenir é o caminho, todos os envolvidos no processo de cuidado devem fazer parte do plano de cuidados, incluindo não só os colaboradores que lidam com ele, mas também o próprio paciente, seu acompanhante e demais familiares. Todos devem receber orientações, capacitações e conhecer os métodos de prevenção ao aparecimento de lesões.

Não custa lembrar que a equipe multiprofissional tem papel fundamental no cuidado centrado no paciente e na disseminação da cultura de segurança do paciente em todas as instituições de Saúde. Aquelas que realizam ações com direcionamento na gestão de riscos conseguem trabalhar de forma sistêmica e continuada para a avaliação e controle dos riscos e eventos adversos que podem atingir os pacientes em suas diversas condições. 

Trabalhar a gestão da qualidade nas organizações de Saúde, com monitoramento, acompanhamento e melhoria constante dos indicadores e atividades melhora a imagem perante o cliente interno e externo, além de trazer ganhos para o desempenho operacional, redução de custos a longo prazo e solidificação da cultura organizacional da instituição.

Leia também:

II Congresso de Maturidade de Gestão da Saúde foi um sucesso

Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão da Saúde: confira a abertura da 2º edição do evento


29 de outubro de 2019 | Atualizado dia 3 de fevereiro de 2020


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico é responsabilidade de todos

Todos os envolvidos na operação do negócio devem ter acesso ao planejamento estratégico para melhor implantá-lo Por Roberto Gordilho Em…Leia mais.

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico: definição de metas e indicadores

Estratégias devem ser elaboradas com o auxílio de indicadores para garantir a obtenção dos objetivos da organização de Saúde Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

Plano estratégico: entenda a importância na gestão da Saúde

De forma simplificada, o plano estratégico é o resultado do planejamento estratégico e deve ser compartilhado com todas as equipes…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestão hospitalar: os cinco pilares da maturidade

Focar estratégias apenas em tecnologias não garante resultados eficazes; conheça as estruturas da maturidade de gestão hospitalar  Por Roberto Gordilho…Leia mais.

Gestão da Saúde

Experiência do cliente e a importância do BPM na Saúde

Gerenciamento de processos executado de forma eficaz contribui para a satisfação e experiência do cliente Por Fabiana Freitas A experiência…Leia mais.

Gestão da Saúde

Estratégia competitiva como forma de perpetuar a organização

Em um cenário de competitividade extrema e de transformações constantes, a estratégia competitiva é fundamental para o negócio Por Roberto…Leia mais.

Gestão da Saúde

Entenda o processo de modernização da gestão

Engajamento e treinamento de pessoas fazem parte do amadurecimento e processo de modernização da gestão Por Roberto Gordilho A visão…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestão do capital: entenda o movimento de financeirização na Saúde

De milhões para bilhões de reais, o setor de Saúde precisa de profissionalizar a gestão do capital Por Roberto Gordilho…Leia mais.

Gestão da Saúde

Por que o modelo de remuneração torna a Saúde ineficiente

Volume de procedimentos gerado e repasse de reajustes para clientes, são algumas das dificuldades do atual modelo de remuneração Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

Oportunidades de crescimento da Saúde no Brasil

Análise mercadológica e econômica apresenta bons motivos para organizações apostarem na Saúde no Brasil Por Editorial GesSaúde As oportunidades de…Leia mais.

Gestão da Saúde

A prescrição digital pode combater as fraudes de receita médica?

Por Rafael Moraes* A falsificação de documentos médicos é mais comum do que se pode imaginar. Para se ter uma…Leia mais.

Gestão da Saúde

Entenda o valor na Saúde para os 4 principais atores

Entrega de resultados e eficiência demanda que o gestor saiba oferecer valor na Saúde para os stakeholders Por Roberto Gordilho…Leia mais.

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico: a importância do acompanhamento

A segurança do negócio e o alcance de metas exige acompanhamento rotineiro do planejamento estratégico Por Roberto Gordilho O final…Leia mais.

Gestão da Saúde

Cenários para enriquecer o planejamento estratégico

Ambientes externos e internos devem ser avaliados durante a produção do planejamento estratégico para a instituição Por Roberto Gordilho A…Leia mais.

Gestão da Saúde

Como alinhar a estratégia empresarial ao modelo operacional

Maturidade de gestão é o caminho para que a estratégia empresarial seja alinhada ao modelo de operação da instituição Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

Tempestade perfeita: por que a Saúde é diferente

Manter a segurança do negócio e o crescimento demanda buscar oportunidades nas transformações da tempestade perfeita Por Roberto Gordilho Uma…Leia mais.

Gestão da Saúde

A expectativa do cliente da Saúde mudou

Organizações precisam mudar o mindset para compreender a expectativa do cliente da Saúde Por Roberto Gordilho As  novas tecnologias, a…Leia mais.

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico: como aplicar o 5W2H na gestão da Saúde

Ferramenta auxilia a identificar e especificar estratégias que devem constar no planejamento estratégico da organização Por Editorial GesSaúde Melhorar a…Leia mais.

Gestão da Saúde

Incorporar soluções de suporte à decisão clínica ao fluxo de trabalho pode fazer a diferença na Saúde

Em épocas de internet of things (IoT), inteligência artificial, realidade aumentada, big data, fica meio difícil imaginar nossas vidas sem…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestores extraordinários: o passo a passo para o sucesso

Roberto Gordilho apresenta curso inovador para todos que ocupam ou querem ocupar cargos de gestão e se tornarem gestores extraordinários…Leia mais.

Gestão da Saúde

Maturidade de gestão: vídeos mais acessados de 2019

Roberto Gordilho apresenta os conceitos mais relevantes para a maturidade de gestão na Saúde no canal GesSaúde do Youtube Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

O que é maturidade de gestão na Saúde

Entenda o conceito de maturidade de gestão na Saúde.

Gestão Hospitalar

Gestão hospitalar: 10 artigos mais lidos do Portal GesSaúde

2019 foi um ano de transformações na Saúde em que os principais conceitos de gestão hospitalar foram fundamentais para os…Leia mais.

Gestão da Saúde

Ação imediata: entenda como o gestor pode usar essa estratégia

Plano de ação imediata é uma ferramenta de correção de erros a fim de antever cenários e determinar a melhor…Leia mais.

Gestão da Saúde

O plano de ação para organizações de Saúde

Ferramenta de acompanhamento do planejamento, o plano de ação é fundamental para atingir metas e objetivos Por Editorial GesSaúde Como…Leia mais.

Estratégia Empresarial

Planejamento em Saúde: a importância de objetivos e metas bem definidas

Estabelecer metas, avaliar e metrificar resultados fazem parte do processo do planejamento em Saúde Por Editorial GesSaúde A operação dos…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos