Voltar

Planejamento tático e operacional: a importância de envolver pessoas

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade

A continuidade do planejamento estratégico acontece nos níveis tático e operacional, em que a atuação das pessoas de forma engajada e orientada é fundamental para alcançar os resultados

Por Roberto Gordilho

No artigo Entenda como o planejamento é importante na Saúde abordamos a conceituação dessa fundamental ferramenta de gestão. Mas é importante que fique claro: planejar é uma prática diária, exercida em todos os níveis profissionais e pessoais. Se você não planeja seu dia, é possível que você viva uma rotina de apagar incêndios. Assim,  alcançar metas e entregar resultados são ações cada vez mais difíceis de acontecer. E o reconhecimento, por sua vez, pode se distanciar ainda mais para o gestor e líder que vive esse modelo de rotina. 

Como já vimos, o planejamento estratégico não pode ser um documento de acesso restrito aos cargos mais altos de gestão. É preciso transformá-lo em ações práticas, estruturadas em níveis de ação com acompanhamento contínuo. Desdobrar o planejamento estratégico significa também envolver as pessoas dentro de cada etapa do planejamento: tático e operacional.

Planejamento tático

Trata-se do nível intermediário do planejamento, ou seja, é a ponte entre o estratégico e o operacional. Aqui, as tarefas e recursos são distribuídos entre as equipes de maneira sistematizada. É preciso levar em consideração os objetivos traçados pelo planejamento estratégico e ordená-los conforme a especificidade de cada área dentro da organização de Saúde. Então, dentro do planejamento tático o gestor precisa definir os seguintes estratégias e estrutura para alcançar os resultados:

  • metas;
  • processos;
  • prazos;
  • ferramentas e recursos.
Planejamento operacional

Aqui entram as atividades e ações práticas para cada membro da equipe. É preciso traçar o rumo do trabalho de maneira clara, apresentando às pessoas os objetivos almejados pela instituição e como cada colaborador deve atuar para contribuir com o resultado final. O planejamento operacional tem a finalidade de transformar o planejamento estratégico em ações e tarefas, de forma que os processos sejam executados conforme o plano tático. Por isso, essa fase também é conhecida como plano de trabalho.

É claro que podemos aprofundar a definição e a aplicação de cada etapa do planejamento macro. Mas um fator que tem de ficar claro é a importância do envolvimento das pessoas ao longo de todo o percurso. A comunicação e o compartilhamento de informações se tornam ferramentas essenciais para que todos saibam onde a organização quer chegar e qual o seu papel. Mais que isso: é preciso fornecer informações, orientação e recursos para que os colaboradores atuem de forma dinâmica e integrativa. 

O papel do gestor como líder e exemplo a ser seguido é um dos diferenciais para a execução ordenada de todo o planejamento. Não é possível alcançar os resultados de maneira isolada e individual. Com habilidades de liderança, o gestor desenvolve toda a equipe de maneira equilibrada e focada nas metas. Assim, os resultados surgem com mais facilidade. 

Outro ponto importante para o planejamento dar certo é a revisão sistemática e contínua do plano e dos processos. Por isso, é preciso ficar atento aos movimentos do mercado, para aproveitar oportunidades e buscar informações para a tomada de ações preventivas.

Então, vale reforçar: disciplina, organização e método (o DOM da Gestão na Saúde) valem para todas as estratégias e níveis administrativos. É assim que o profissional consegue elaborar um bom planejamento, organizar pessoas, recursos e processos para entregar resultados de maneira contínua e consistente – e assim se destacar em um mercado cada vez mais competitivo. 


2 de junho de 2022 | Atualizado dia 2 de junho de 2022


ÚLTIMAS POSTAGENS

Estratégia Empresarial

Planejamento tático e operacional: a importância de envolver pessoas

A continuidade do planejamento estratégico acontece nos níveis tático e operacional, em que a atuação das pessoas de forma engajada…Leia mais.

Estratégia Empresarial

Entenda como o planejamento é importante na Saúde

Com a empresarização do setor, dominar o planejamento estratégico é requisito básico; Desdobrá-lo em ações e ampliar o engajamento se…Leia mais.

Carreiras

O grande erro que impede seu crescimento profissional

Na Saúde, o crescimento profissional está ligado à capacidade de entregar resultados acima da média de maneira contínua e consistente…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos