Voltar

O perfil empreendedor que transforma a Saúde

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade

É possível ter um perfil empreendedor mesmo atuando dentro de uma instituição; para isso, é fundamental botar em práticas as estratégias mais assertivas

Por Editorial GesSaúde

Quantas ideias inovadoras você apresentou no último mês para a organização de Saúde em que atua? Para empreender no setor, não é preciso ter um negócio próprio ou mesmo se desligar da instituição. Com o movimento de empresarialização do setor, as organizações estão em busca de profissionais que entregam os resultados certos e contribuem para a inovação do empreendimento. 

O perfil empreendedor de um gestor da Saúde é aquele que compreende quais são os passos estratégicos para potencializar o negócio. Esse profissional possui habilidades de promoção da eficiência e redução de custos e gastos. Mais que isso, sabe compartilhar ensinamentos e estratégias com seus liderados. Assim, o perfil empreendedor do gestor na Saúde colabora para o crescimento orgânico de toda a organização. 

Inovação

Empreender dentro de um negócio também significa saber inovar periodicamente. Com visão sistêmica e capacidade de vislumbrar cenários futuros, o gestor com esse perfil consegue formular projetos e ações que geram previsibilidade, novos serviços e produtos. Portanto, inovar na Saúde não se restringe à implantação de novas tecnologias. É uma estratégia que está muito mais ligada com a capacidade de mudar rotinas e apresentar novos modelos de abordagem para os desafios. 

Ousadia

Ao apresentar novos projetos e propostas demanda que o gestor tenha disposição para enfrentar riscos. A ousadia, contudo, deve estar amparada por boas práticas de gestão, liderança e experiência de mercado. Afinal, o perfil empreendedor conhece as movimentações mercadológicas e também os pontos fortes e fracos da organização de Saúde. 

Ter ousadia, na verdade, está se tornando um pré-requisito para as novas oportunidades que estão surgindo na Saúde. Isso porque, as organizações estão passando por grandes fusões e aquisições, o que movimenta volumes expressivos de investimentos. Conta ainda  a participação cada vez maior das startups, que inovam pela aplicação de tecnologia disruptiva e novos modelos de acesso aos serviços e produtos. 

Quanto mais preparado o profissional estiver, melhores serão as chances de crescimento dentro da instituição ao apresentar um perfil empreendedor. Por isso, manter-se atualizado profissionalmente é uma das características que promove esse tipo de atuação. Isso sem falar que, ao empreender corporativamente, o gestor aumenta sua reputação e autoridade. Servindo, inclusive, como modelo profissional a ser seguido. 

Sobre Roberto Gordilho

Roberto Gordilho é fundador e CEO da GesSaúde, professor, palestrante, apresentador do Canal GesSaúde no YouTube, autor do livro “Maturidade de Gestão Hospitalar e Transformação Digital, os caminhos para o futuro da Saúde”.

Siga Roberto Gordilho no Youtube 

Siga Roberto Gordilho no Instagram


18 de agosto de 2021 | Atualizado dia 10 de agosto de 2021


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão Hospitalar

Cultura de alta performance na Saúde: o fundamento está na liderança

Liderar vai além de gerir pessoas, exige sensibilidade humana e visão estratégica para construir uma cultura de alta performance Por…Leia mais.

Gestão de Pessoas

Resolução de conflitos: o poder da comunicação na Saúde

A comunicação faz com que as melhores tecnologias, processos bem mapeados e estratégias direcionadas reflitam em resultados empresariais na Saúde…Leia mais.

Gestão de Pessoas

Liderança é fazer com que as pessoas lutem por aspirações compartilhadas

O gestor deve propor objetivos compartilhados e estratégias de desenvolvimento individual dos colaboradores, essa é um dos fundamentos da liderança…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos